Aos domingos, 15h30
Reprise aos sábados, 11 horas
Na TV Brasil

segunda-feira, 29 de março de 2010

Bibliotecas públicas

Olá!!!
Estamos de volta com o tema da semana: leitura e literatura infanto-juvenil.
Conforme já dissemos, ler é um hábito muito saudável e prazeroso, que deve ser estimulado desde muito cedo na vida das crianças. Inclusive, existem mulheres que ainda grávidas costumam contar histórias para seus filhos. Isto é muito bacana. Segundo pesquisas, ler e cantar para a criança enquanto ela ainda está no útero faz com que a gestação seja mais saudável e que o bebê seja mais calmo nos primeiros meses de vida.
Infelizmente, o Brasil é um país com um dos mais baixos índices de leitura do mundo. De acordo com a UNESCO, o brasileiro lê, em média, menos de dois livros por ano, enquanto os franceses, por exemplo, lêem sete e os norte-americanos, dez.
Mas é importante deixar claro que a leitura não está necessariamente associada à baixa condição financeira. O hábito de ler é muito mais uma questão cultural. Foi com o objetivo de incentivar este hábito que em 2009, o dia 12 de outubro passou a ser considerado o Dia Nacional da Leitura.
Estima-se que, no Brasil, existam quase 5 mil bibliotecas públicas. E, segundo o Ministério da Cultura, entre os anos de 2005 e 2006, 89% dos municípios brasileiros declararam ter, pelo menos, uma biblioteca pública funcionando.
Tendo como principal objetivo o fortalecimento das bibliotecas públicas do país, foi criado o Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas-SNBP, instituído pelo Decreto Presidencial nº 520, de 13 de maio de 1992. O SNBP assume como pressuposto básico para o desenvolvimento de suas ações, a função social da biblioteca pública. Essa instituição cultural, ao assumir este papel na comunidade, possibilita a construção de uma sociedade verdadeiramente democrática e a formação de uma consciência crítica do indivíduo, levando-o ao exercício pleno da cidadania.
Constituem objetivos do SNBP: Incentivar a implantação de serviços bibliotecários em todo o território nacional; promover a melhoria do funcionamento da atual rede de bibliotecas, para que atuem como centros de ação cultural e educacional permanentes; desenvolver atividades de treinamento e qualificação de recursos humanos, para o funcionamento de todas as bibliotecas brasileiras; manter atualizado o cadastramento de todas as bibliotecas públicas brasileiras; incentivar a criação de bibliotecas em municípios desprovidos de bibliotecas públicas; favorecer a ação dos coordenadores dos sistemas estaduais e municipais, para que atuem como agentes culturais, em favor do livro e de uma política de leitura no país; assessorar tecnicamente as bibliotecas e coordenadorias dos sistemas estaduais e municipais, bem como oferecer material informativo e orientador de suas atividades; firmar convênios com entidades culturais, visando a promoção de livros e de bibliotecas.
A atuação do SNBP junto às bibliotecas públicas só é possível com a implantação de um processo sistêmico, baseado em ações voltadas para a interação e integração dessas bibliotecas em âmbito nacional. O gerenciamento operacional é exercido através dos sistemas estaduais que funcionam em cada estado da federação, encabeçados, geralmente, pelas bibliotecas públicas estaduais, que passam, por sua vez, a articular-se com as bibliotecas públicas municipais.
Para acessar a lista das coordenadorias estaduais do SNBP clique no link: http://www.bn.br/snbp/coordenadorias.html .
Entre em contato com a coordenadoria do seu Estado, descubra uma biblioteca pública perto de sua residência e incentive seus filhos à leitura. Quanto mais cedo eles começarem, melhor!!!

Para quem perdeu o programa sobre Leitura e Literatura Infanto-juvenil, ainda há chance de assistir à reprise nesta segunda (29), 12h30, e na terça ( 30), 18h30. O programa está IMPERDÍVEL!!!
---
E a dica de hoje é o projeto CINEMATERNA: sessões de cinema para mães com bebês de até 18 meses. Papais e acompanhantes são bem-vindos também! Os filmes são para a diversão dos adultos, e as salas de cinema são equipadas para acolher os bebês com todo o conforto: som reduzido, trocador na sala, ar condicionado mais suave, ambiente levemente iluminado. E depois de cada sessão sempre tem um gostoso bate-papo! As sessões acontecem em diversas cidades do Brasil. Cada filme é escolhido pelo público através de enquetes semanais, que podem ser acompanhadas pelo site junto com a programação. Visite o site: http://www.cinematerna.org.br/ e saiba mais sobre o projeto e a programação em sua cidade!

Um grande beijo e até mais!!!

4 comentários:

Poesia do Bem disse...

Olá meninas do Papo de mãe como vão? o programa dessa semana está mesmo imperdivel, e saber que a leitura é tudo na vida, por nos trazer, conhecimento, mudança, lazer e a verdade deixo-vos aqui um de meus poemas.Pois ler é um universo de snsações que nos traz o bem.
Livros


Amigo do bem
Me leva ao caminho da paz
Em jardins de primavera
Terra que não andei jamais

Páginas e segredos
Aventuras a desvendar
Desertos, e mares,
Água farta pra saciar

Borboletas, vida, ar.
Ensinamento e poesia de amor
Livro, me amigo livro,
Serei teu companheiro seja onde for

Fonte inesgotável de alegria
Maravilhas a descobrir
Meu amigo livro
Tu és tudo pra mim.

Paula Belmino

Papo de mãe disse...

Oi Paula, querida!
Vc precisa escrever um livro de poesias!!!
Muito obrigada por mais uma tão linda!
Que bom que vc gostou do programa!
Beijos!
Clarissa Meyer

Bianca disse...

Olá!
Adorei a matéria!
Eu leio à beça pra Júlia (aliás, eu sou uma viciada em livros)...
Leio livros demais....
Já tive que vender meus livros porque não tinha mais espaço para muitos deles... Mas, compro mais e acabo enchendo de novo (lendo e lendo!).
Eu e meu marido lemos pra Jujuba todas as noites....
Beijos!

Poesia do Bem disse...

Bem que eu queria memso escrever um livro, só me falta o investimento.um patrocínio, como é difífil aqui no Brasil não é? mas já participei de duas coletãneas uma pela All Print aqui de SP e outra pela editora Mar de idéias do RJ, minha vida é a poesia, amoo. bjs